Províncias

Recém-nascidos com assentos de nascimento

Pelo menos 193 recém-nascidos na maternidade do Hospital Central de Ondjiva, província do Cunene, beneficiaram, de Janeiro a 15 de Abril deste ano, de assento de nascimento, emitidos no posto de registo civil da unidade sanitária.

Pelo menos 193 recém-nascidos na maternidade do Hospital Central de Ondjiva, província do Cunene, beneficiaram, de Janeiro a 15 de Abril deste ano, de assento de nascimento, emitidos no posto de registo civil da unidade sanitária.
A informação foi avançada terça-feira, à Angop, pela chefe do sector, Almerinda Kaupuelepo, que disse ter havido um aumento considerável em relação ao mesmo período de 2009, sem se referir a números concretos. Explicou que o maior número de crianças beneficiadas é do sexo feminino (112), contra 81 do sexo masculino. Sublinhou que o registo de crianças recém-nascidas na maternidade de Ondjiva é gratuito, daí apelar às mães com pouco poder financeiro a aproveitarem a oportunidade. Esclareceu, por outro lado, que o sector de consultas pré-natal do Hospital Central atendeu cerca de 3.143 gestantes, enquanto outras 297 realizaram consulta de planeamento familiar.

Tempo

Multimédia