Províncias

Reforçado o abastecimento de água potável

Venâncio Víctor | Malanje

A província de Malanje vai beneficiar, este ano, de 29 mil novas ligações de água potável, garantiu ontem o director provincial da Energia e Águas.

Novos sistemas de captação e abastecimento fazem com que a população deixe de percorrer longas distâncias em busca de água
Fotografia: Eduardo Pedro

Jacinto Caculo disse que o objectivo é a extensão da actual rede geral de distribuição, com uma extensão de 137 quilómetros, no âmbito do plano do Governo Provincial de melhoramento e aumento da disponibilidade no fornecimento de água potável às populações.
Durante o ano passado foram instaladas na província de Malanje 1.350 novas ligações domiciliárias, acrescentou o director provincial da Energia e Águas.
As obras de extensão da rede de água para os bairros Cangambo, Campo de Aviação e Carreira de Tiro, cujos trabalhos estão num grau de execução na ordem de 60 por cento, têm o termo previsto para este  ano, disse o director, para quem da lista das  prioridades constam ainda ligações domiciliárias no bairro Cangambo Ocidental, cujos estudos do projecto estão na forja.
Jacinto Caculo defendeu o abastecimento de água e energia às novas zonas de urbanização durante este ano, bem como aos 350 fogos habitacionais no bairro da Vuanvuala.
Ao nível dos municípios do interior, o director destacou a construção, este ano, de dois sistemas de água nas sedes municipais, no âmbito do Projecto Nacional Água para Todos. A instituição, frisou Jacinto Caculo, pretende modernizar o sistema de pagamento de água.
 O projecto em curso tem como objectivo o pagamento pré-pago, para garantir o retorno dos investimentos feitos pelo Governo neste sector, ao nível da região.
No domínio da energia, Jacinto Caculo destacou a instalação de 220 novas ligações de energia à rede pública de distribuição de electricidade em 2015 e anunciou, para este ano, um projecto de fornecimento de energias renováveis nalguns municípios do interior da província de Malanje. 
De recordar que a cidade de Malanje conta neste momento com 34 mil consumidores de energia da rede geral de distribuição e recebe uma potência de 12.6 megawats da Central Hidroeléctrica de Capanda, além dos 19.6 megawats da nova central térmica, inaugurada em Setembro.

Tempo

Multimédia