Províncias

sem técnicos para vacinação contra a raiva

A direcção dos serviços veterinários no município de Caimbambo tem falta de técnicos para a campanha de vacinação anti rábica, que decorre, desde Fevereiro, em todo o país, revelou o chefe daqueles serviços.

A direcção dos serviços veterinários no município de Caimbambo tem falta de técnicos para a campanha de vacinação anti rábica, que decorre, desde Fevereiro, em todo o país, revelou o chefe daqueles serviços.
Mesmo assim, desde o início da campanha, referiu Romão Kafuna, foram vacinados 52 animais.
 O município tem disponíveis 300 doses de vacinas.

Tempo

Multimédia