Províncias

Surto de sarna afecta mais de mil pessoas

Carlos Paulino | Menongue

O chefe de Departamento de Saúde Pública e Controlo de Endemias no Cuando Cubango, Ntima Mandawele, recomendou às pessoas afectadas pelo surto de sarna na província a fazer tratamento com a pomada Lauroderme e ampicilina em cápsula ou injectável, “como o método mais eficaz para o combate da doença”.

Fotografia: Edições Novembro

Em declarações ao Jornal de Angola, Ntima Mandawele revelou que a província tem 1.200  pacientes com sarna, doença que assola a região desde o primeiro trimestre do ano em curso. “Estamos a aconselhar os doentes afectados com sarna a utilizarem Lauroderme e ampicilina, ao contrário da pomada de benzoato de benzila que está a ser distribuída actualmente. O Lauroderme é o mais indicado para este tipo de doença, só que não faz parte do pacote de medicamentos adquirido pelo Ministério da Saúde”, disse Ntima  Mandawele.
No Cuando Cubango, a maioria dos casos foi detectado em Menongue, com maior incidência nos bairros Novo, Lumeta e Boa Vida. Os municípios do Cuchi e Cuíto Cuanavale também estão afectados. “O surto de sarna no Cuando Cubango surgiu em Janeiro, mas atingiu proporções alarmantes no mês passado, porque as pessoas afectadas preferiram fazer o tratamento em casa”, disse o responsável.

Tempo

Multimédia