Províncias

Terrenos abandonados em risco de confisco

Os terrenos abandonados que se encontram na cidade do Huambo poderão em breve ser confiscados pela administração municipal e transformados em parques de estacionamento de viaturas, declarou o administrador local.

Autoridades do Huambo vão confiscar terrenos baldios
Fotografia: Francisco Lopes | Edições Novembro | Huambo

Victor Tchissingui justificou a medida, no sábado (21/07), com a necessidade de se solucionar o problema de estacionamento de viaturas em locais inapropriados, assim como acabar com o mau aspecto que estes locais abandonados apresentam.
O responsável confirmou terem sido já identificados, até ao momento, 10 terrenos abandonados, com dimensões variadas, cujos proprietários ainda não se manifestaram, facto que pode facilitar a intenção da administração.
O administrador municipal admitiu que a criação de parques de estacionamento irá ajudar, muito, os cidadãos que trabalham no centro urbano, sobretudo em zonas de maior concentração automóvel, que não têm lugar para deixar as  viaturas.
Victor Tchissingui reconheceu, também, que os quatro parques de estacionamento controlados pela Administração Municipal do Huambo estão muito longe de satisfazer a procura, o que tem favorecido o estacionamento de viaturas nas vias públicas, gerando embaraços ao tráfego.

Tempo

Multimédia