Províncias

Centenas de casos registados no Uíge

Joaquim Júnior | Uíge

O centro de aconselhamento familiar da direcção provincial da Família e Promoção da Mulher no Uíge registou, no primeiro semestre deste ano, 234 casos de violência doméstica.

A directora provincial da Família e Promoção da Mulher, Catarina Domingos, disse que, entre os casos registados, 40 foram ofensas corporais, 52 de privação de bens e dez têm a ver com a ameaça de morte contra mulheres.
O centro de acolhimento registou ainda 17 casos de fuga à paternidade, dois casos de uso de arma branca e igual número de arma de fogo.
A directora provincial adiantou que houve ainda um caso de queimadura, além de outros de ofensas morais, privação de liberdade, chantagem, incumprimento da mesada, abandono do lar e desalojamento.

Tempo

Multimédia