Províncias

Directores e professores estão a reforçar conhecimentos

Joaquim Júnior |Uíge

Um seminário destinado a esclarecer o conceito de Escolas Amigas da Criança dirigido a directores de escolas, professores, representantes das comissões de pais e encarregados de educação, termina hoje, na cidade do Uíge.

Um seminário destinado a esclarecer o conceito de Escolas Amigas da Criança dirigido a directores de escolas, professores, representantes das comissões de pais e encarregados de educação, termina hoje, na cidade do Uíge.
Gonçalves José, técnico da direcção Nacional de Acção Social do Ministério da Educação, disse tratar-se de uma acção de três dias, destinada a dotar os colegas de novas metodologias no relacionamento com a criança.
A directora provincial da Educação, Ermelinda Samuel, adiantou que a formação se enquadra no cumprimento do plano de acções do Ministério da Educação, no âmbito do Projecto Escolas Amigas da Criança, cuja finalidade é a articulação entre a escola, a criança e a comunidade.
Para Ermelinda Samuel, os pilares básicos da Reforma Educativa são visíveis na província, quanto ao acesso, equidade e qualidade assentes nos 11 Compromissos da Criança.
O Projecto Escolas Amigas da Criança obedece a seis princípios assentes nos direitos da criança: segurança, protecção, saúde, higiene, género e ensino de qualidade. Isto implica mudanças contínuas e profundas dos currículos das metodologias de ensino, do sistema de avaliação de gestão das escolas, das matérias didácticas e de instrumentos de aplicação do sistema educativo.

Tempo

Multimédia