Províncias

Formação da juventude está entre as prioridades

Valter Gomes |Uíge

O vice-governador do Uíge para o sector Económico e Produtivo disse numa conferência que a formação técnica, profissional e académica dos jovens é até 2017 uma prioridade do Governo Provincial.

Estudantes universitários durante a palestra sobre desenvolvimento sustentável do país
Fotografia: Filipe Botelho|Uíge

Carlos Samba, que falava sobre o tema “Educar a Juventude Angolana como Factor de Desenvolvimento Socioeconómico e Sustentável do País”, afirmou que “o Governo Provincial construiu muitas escolas do II ciclo, Institutos Médios e escolas superiores” para permitir que todos os jovens tenham acesso ao sistema do ensino.
O vice-governador referiu que o homem novo se faz com boa formação e instrução e que por isso o Executivo “ainda tem um longo caminho a percorrer para garantir a melhoria da qualidade de vida da população, elevar a inserção dos jovens na vida activa, concretizar os pressupostos básicos necessários para o desenvolvimento e o bem-estar dos cidadãos, apoiar o empresariado e o empreendedorismo, consolidar a paz, reforçar a democracia e favorecer a unidade e a coesão da juventude”.
O vice-governador declarou que “cada jovem deve dar o máximo para aprender, formar-se e informar-se” e que os professores não podem olhar a esforços “para transmitirem conhecimentos e transformar os alunos” em pessoas capazes de desenvolver o país.  Carlos Samba, que criticou o imediatismo por ser causa “do insucesso de muitos cidadãos”, pediu a participação de todos nos programas de desenvolvimento da província e do país.

Tempo

Multimédia