Províncias

Hospital de referência do município começou a receber doentes esta semana

Joaquim Júnior | Uíge

Um hospital com capacidade para internar mais de 70 pacientes foi inaugurado na terça-feira, no município do Mucaba, província do Uíge, pelo governador Paulo Pombolo.

A região passou a ter uma nova infra-estrutura que vai garantir assistência médica condigna aos habitantes do Mucaba
Fotografia: Filipe Botelho

Um hospital com capacidade para internar mais de 70 pacientes foi inaugurado na terça-feira, no município do Mucaba, província do Uíge, pelo governador Paulo Pombolo. 
Devidamente apetrechado com equipamentos modernos, o novo estabelecimento hospitalar dispõe de serviços de maternidade, bloco operatório, banco de urgência, ortopedia, cirurgia, farmácia, refeitório, laboratório de análises clínicas, hemoterapia, entre outros.
Durante a inauguração, Paulo Pombolo afirmou que o hospital vai ajudar a melhorar os serviços de assistência médica e medicamentosa prestada às populações locais.
Aos 34 técnicos nacionais que vão prestar serviços naquela unidade, pediu maior adaptação às experiências profissionais dos dois médicos estrangeiros colocados no hospital, para que haja maior dinamismo no atendimento ao público e manuseamento dos equipamentos.
O governador entregou uma ambulância à direcção do hospital para facilitar o desdobramento das equipas técnicas de recolha e evacuação de doentes das comunas, aldeias e regedorias, até à sede.
“O hospital é a maior unidade do município que, além de prestar serviços à população local, vai também poder assistir os populares provenientes de outras municipalidades”, disse o chefe da repartição municipal da saúde local, Alberto Afonso. Pela variedade dos serviços disponíveis no novo hospital, a necessidade de enfermeiros e médicos ainda é muito grande. “Necessitamos de pelo menos 134 técnicos e de mais seis médicos”, disse, acrescentando que, tendo em conta a densidade populacional do município, de aproximadamente 87.700 habitantes, Mucaba necessita de mais quatro unidades sanitárias para dar resposta à procura.


À espera de água e energia


O soba grande da zona, Simão Manuel, satisfeito com a inauguração do novo hospital, afirmou que a região ganhou uma importante infra-estrutura que vai garantir uma saúde condigna aos habitantes locais.
Falando à população do município, Paulo Pombolo disse ter recebido garantias do Ministério da Energia e Águas que, brevemente, a população do Mucaba vai passar a ter energia eléctrica e água potável.
“No mês passado, mandámos para cá uma empresa que vai construir um novo sistema de abastecimento de água. Os levantamentos já estão feitos e, neste momento, aguardamos a proposta para celebração do contrato, para podermos dar início aos trabalhos”, disse.
Quanto à energia eléctrica proveniente de Capanda, referiu existirem contactos com o Ministério da tutela. “Pensamos que, como os cabos da energia que partem da subestação nº1 do Quijima, no município do Uíge, até à subestação nº2 de Maquela do Zombo, atravessam o município do Mucaba, é fácil resolvermos este problema”, concluiu o governante.     

Tempo

Multimédia