Províncias

Melhorada assistência

A assistência médica e medicamentosa aos moradores do bairro Tange e arredores, localizado a cinco quilómetros a Sul da cidade do Uíge, melhorou significativamente nos últimos meses, fruto da entrada em funcionamento de um novo centro de saúde, construído no âmbito da política do Executivo de aproximação dos serviços sociais básicos à população.

Em declarações feitas ontem, à Angop, a responsável do centro, Teresa Valéria, disse que 9.787 pacientes foram assistidos em oito meses. Destes, 7.781 são crianças, sendo os casos mais frequentes a malária, para os casos que envolvem crianças, e tensão arterial, reumatismo, e outros de ginecologia em relação aos adultos. Teresa Valéria referiu que o centro funciona com 14 trabalhadores, dos quais sete enfermeiros, avançando ainda a necessidade de pelo menos mais cinco enfermeiros, um médico pediatra, um clínico geral e um ginecologista. 
O centro de saúde, com capacidade para internar 12 pacientes, comporta ainda uma área para vacinação, farmácia, consultório, salas dos técnicos e banco de urgência.
A instituição sanitária funciona desde Novembro de 2012 e recebe pacientes das povoações de Quiôngua, Banza Pólo e de outros bairros periféricos da cidade.

Tempo

Multimédia