Províncias

Novos professores no Uíge aprimoram conhecimentos

Nicodemos Paulo |Uíge

Um grupo de 1.123 professores admitidos, no último concurso público, realizado no ano passado na província do Uíge, participa até ao próximo dia 19 num seminário de agregação pedagógica.

Higiene escolar é um dos temas em análise
Fotografia: Mavitidi Mulaza|Uíge

Um grupo de 1.123 professores admitidos, no último concurso público, realizado no ano passado na província do Uíge, participa até ao próximo dia 19 num seminário de agregação pedagógica.
Organizado pela direcção provincial da Educação, a acção formativa destina-se a apetrechar os novos professores de técnicas e práticas de ensino nos domínios da Língua Portuguesa e Matemática.
Actividade semelhante decorre, em simultâneo, noutros cinco municípios do Uíge. Durante a formação, os professores recém-admitidos vão abordar matérias sobre o perfil do professor, meios de ensino, planificação da aula, ética e deontologia profissional e sistemas de avaliação. O seminário abarca ainda temas relacionadas com a higiene escolar, tratamento interpessoal entre a escola e a comunidade, formas de protecção e contaminação de algumas doenças, como a cólera e a Sida.
O vice-governador para o sector económico e produtivo, Carlos Samba, deu orientações aos novos docentes no sentido de absorverem da melhor maneira possível as matérias a serem ministradas, para que possam desempenhar com bio e profissionalismo  a actividade docente. A directora provincial da Educação, Ermelinda Samuel, referiu que a realização do seminário representa o início da criação de condições para o arranque do ano lectivo de 2013 e salientou que todos os municípios da província foram reforçados com novos quadros.
Neste momento, salientou, já arrancaram as matrículas nas escolas do primeiro ciclo, enquanto as do segundo preparam condições para o fazer, nos próximos dias.
No último concurso público, realizado no segundo semestre de 2012, ficaram apurados 472 professores para o ensino primário, 444 para o primeiro ciclo e 207 vão leccionar aulas no segundo ciclo do ensino secundário.

Tempo

Multimédia