Províncias

Peregrinação no Uíge reúne milhares de fiéis

Nicodemos Paulo | Uíge

Milhares de fiéis participam, a partir de hoje, na Segunda Peregrinação Anual do Santuário de Santa Rita de Cássia, na localidade de Casseche, nos arredores da cidade do Uíge, disse, ontem, no Uíge, o coordenador da comissão organizadora e reitor do santuário.

Santuário de Santa Rita de Cássia no Uíge
Fotografia: Mavitidi Mulaza | Uíge

O padre Fernando Cristóvão Kazeza recordou que durante cerca de um mês várias comissões trabalharam na criação de condições de acomodação dos fiéis. As comissões melhoraram a iluminação pública à volta do santuário, os sanitários, construíram torneiras para melhor servir os visitantes, e foi instalado um pequeno posto de saúde para atender peregrinos.
“O espaço onde os peregrinos colocam as tendas está limpo, as condições estão criadas para a peregrinação”, disse o padre Kazeza, que acrescentou que a Administração Municipal do Uíge garantiu a terraplenagem da via de acesso ao local, o policiamento e autocarros para o transporte dos fiéis.
O sacerdote informou que este ano foram introduzidas inovações, como a bênção especial para todos aqueles que respondem pelos nomes de Rita, Cássia e Acácio. Durante a peregrinação, que decorre de 21 a 23 de Maio, é inaugurada a cruz no sopé da montanha, para veneração dos fiéis. Devido à festa do Pentecostes, segundo o reitor do Santuário, a peregrinação termina no sábado com a celebração da missa pelo bispo de Caxito, Dom António Jaca.
“Estão criadas as condições para os católicos e outros cristãos passarem três dias de partilha e oração. Aconselho apenas os peregrinos a levar consigo uma tenda e o farnel. No local, os escuteiros auxiliam o acolhimento”, referiu.
No ano passado a localidade recebeu mais de 2.500 peregrinos vindos de todo o país, que permaneceram alguns dias na aldeia Casseche.

Tempo

Multimédia