Províncias

Produção de alimentos analisada por técnicos

Joaquim Júnior | Uíge

O grupo técnico de trabalho do Sistema de Estatística do Ministério da Agricultura e Desenvolvimento Rural (Countrystat) analisa, desde terça-feira, na cidade do Uíge, as matrizes nacionais da produção agrícola e alimentar, importação, exportação e reexportação de produtos no país.

A sétima reunião do Countrystat conta com as presenças de membros das direcções nacionais de estatísticas dos Ministérios da Agricultura, Finanças, Comércio e das Pescas, que durante três dias analisam vários temas e procuram harmonizar os dados nacionais conectados e necessários para permitir as decisões políticas.
O coordenador do Countrystat Angola, Domingos da Silva, disse que a instituição tem como finalidade apoiar o Governo na melhoria da estatística nacional sobre a alimentação e agricultura do país, em termos de qualidade, acessibilidade, relevância e confiabilidade.
Com isso, disse que se pode facilitar o planeamento e o processo decisório dos analistas e legisladores, especialmente para a luta contra a fome e a pobreza. “A importância das estatísticas agrícolas reflecte na vida social das famílias, no desempenho das entidades municipais, provinciais, ministeriais e ao nível do Executivo”, referiu avançando que sem estatísticas credíveis e aceitáveis não se tem uma melhor planificação, projectos exequíveis e resultados positivos no combate à pobreza.
Domingos da Silva salientou que a sétima reunião vai apresentar e publicar no site do Coutrystat Angola os resultados do inquérito sobre a segunda época da campanha agrícola 2012-2013, levado a cabo pelo Ministério da Agricultura em todas as províncias.
Carlos Mendes Samba, vice-governador para o sector económico e produtivo,  disse que o Countrystat Angola insere-se nos esforços do Sistema Estatístico Nacional de contribuir com informações de qualidade, que desperta e orienta a sociedade, apresentando características e potencialidades do sector agrário e seu papel na luta contra a crise alimentar mundial, fome e pobreza. Referiu que as estatísticas deste sector produtivo têm como núcleo o censo agro-pecuário, que investiga a partir dos estabelecimentos agro-pecuários, a organização fundiária, propriedade e uso das terras.

Tempo

Multimédia