Províncias

Produção de leite no Uíge

Nicodemos Paulo| Uíge

O Banco de Desenvolvimento Angolano garantiu que financia no Uíge projectos de produção de leite para a transformação em lacticínios e a criação de uma cadeia produtiva de amendoim, anunciou o director provincial da Agricultura. Eric Lussoki disse que a futura fábrica está projectada para o Negage e envolve mais de 100 criadores de gado bovino dos municípios do Puri, Bungo e Negage.

A fábrica de queijo e iogurte vai envolver mais de cem criadores de gado bovino e fazer com que a aquisição do produto seja mais fácil
Fotografia: JA

Mais de 120 famílias camponesas, residentes nos municípios do Quimbele, Buengas, Maquela do Zombo, Bungo, Sanza Pombo e Damba, vão receber financiamentos destinados à criação da cadeia produtiva de amendoim na província.
Em relação ao crédito agrícola de campanha para este ano de 2013, o director provincial da agricultura disse que, pelo menos 400 mil famílias vão receber o referido financiamento para ajudarem a melhorar a dieta alimentar da população.
Os agricultores, cuja produção de mandioca está a ser afectada por uma praga de insectos, receberam orientações por parte da direcção da agricultura no sentido de recorrerem ao Centro de Multiplicação de Plantas, localizado no município de Sanza Pombo, para adquirirem novas sementes, superarem a situação e manterem o equilíbrio alimentar das famílias. Eric Lussoki lamentou a má utilização dos meios colocados à disposição dos agricultores locais. “Vemos tractores a transportar areia, blocos e outros materiais de construção civil, em vez de desbravarem os campos ou transportarem produtos agrícolas do campo para os grandes centros comerciais”, acrescentou Eric Lussoki. Há dias, no município do Bembe, mais de dez toneladas de laranja e tangerina estragaram-se por falta de escoamento, acrescentou, a título de exemplo.

Tempo

Multimédia