Províncias

Professores da província adquirem competências

Joaquim Júnior| Uíge

As aulas de empreendedorismo nas escolas de I e II ciclos do ensino secundário dos municípios de Negage, Songo, Puri, Bungo e Uíge vão ganhar uma nova dinâmica, nos próximos dias, depois que um total de 40 professores, que leccionam a disciplina, terminarem o seminário sobre as metodologias de ensino na cadeira.

Docentes aprendem para ensinar melhor
Fotografia: Eunice Suzana | Uíge

Com duração de 11 dias, a formação começada esta terça-feira e organizada pela Direcção Provincial da Educação do Uíge vai abordar conteúdos relacionados com utilização de forma íntegra dos materiais da disciplina de empreendedorismo, vários métodos pedagógicos no ensino da cadeira e a valorização das atitudes e capacidades empreendedoras pessoais.
A identificação das oportunidades de negócio, gestão do processo de ensino e aprendizagem segundo as orientações do programa da disciplina, entre outros, são assuntos que vão igualmente ser discutidos no seminário.
O chefe de departamento na Direcção Provincial de Educação do Uíge   disse que o ciclo formativo visa desenvolver competências científico-pedagógicas no ensino do empreendedorismo, aumentar as competências de avaliação da aprendizagem da disciplina, bem como a apresentação aos professores dos materiais curriculares por classes.
Diniz Maculo salientou que se pretende com o seminário fazer com que o professor adquira habilidades na disciplina de empreendedorismo, para que possa ajudar os jovens a se prepararem devidamente para as suas carreiras futuras. O chefe de departamento na direcção provincial de Educação do Uíge   referiu que a disciplina de empreendedorismo começou a ser experimentada no sistema de ensino angolano, em 2010, na 7ª e 10ª classes das Escolas de Formação de Professores e do Ensino Técnico Profissional.
Diniz Maculo disse que, no Uíge, cinco escolas dos municípios de Negage e Uíge foram abrangidas na experimentação da disciplina de empreendedorismo.
O chefe de departamento na direcção provincial de Educação do Uíge  esclareceu que é empreendedor o individuo capaz de mover recursos económicos de uma área baixa para outra de maior produtividade ou os que aproveitam as oportunidades para criar mudanças.

Tempo

Multimédia