Províncias

Proposta revisão dos planos de formação de professores

Joaquim Júnior| Uíge

Participantes do I Workshop Nacional de Investigação em Práticas de Ensino, que decorreu nos dias 16 e 17 deste mês, no anfiteatro do Instituto Superior de Ciências da Educação (ISCED) do Uíge, defenderam ontem a necessidade da revisão dos planos curriculares e dos programas de formação de professores, a fim de adequá-los à realidade do país.

Foram analisadas várias questões que visam melhorar o processo de ensino e aprendizagem
Fotografia: Filipe Botelho| Uíge| Edições Novembro

Os participantes concluíram que a qualidade do professor é uma condição chave na elevação do ensino, devendo ser dada uma atenção especial à educação na infância e adolescência e à revisão dos critérios de ingresso no ensino superior. A necessidade de vincular a teoria à prática nos laboratórios de física, química e informática a nível das escolas do ensino geral e superior, incentivar o uso das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) na educação e a adoptar programas específicos de orientação escolar e profissional, foram algumas das recomendações produzidas no workshop.
Gestores de várias instituições do ensino geral e superior das províncias de Luanda, Bengo, Benguela, Lunda Norte, Lunda Sul, Cabinda e Uíge, regentes e coordenadores de cursos e disciplinas, além de docentes e discentes participantes no workshop, defenderam também uma melhor coesão e organização das linhas de pesquisa sobre as práticas de ensino e investigação, através de encontros periódicos.

Tempo

Multimédia