Províncias

Transportes públicos têm nova operadora

António Capitão | Uíge

Uma nova frota de viaturas para táxi entrou em circulação na  semana finda, na cidade do Uíge, para reforçar os serviços de transportes interurbanos de pessoas e mercadorias de pequeno volume.

Composta por 12 viaturas ligeiras de cinco lugares, a referida frota vai efectuar rotas interurbanas na cidade do Uíge, num sistema de descarga porta-a-porta, cuja corrida é cobrada no valor de 150 kwanzas por ocupante.
A operadora é um investimento do grupo empresarial juvenil local e 85 por cento do financiamento foi do Banco de Poupança e Crédito (BPC), no âmbito do Crédito Jovem.
O administrador municipal do Uíge, Altamiro Benjamim, que presidiu à cerimónia de lançamento dos serviços, destacou a iniciativa empreendedora, tendo em conta que a mesma vai permitir que os munícipes viagem em segurança e conforto, aumentando igualmente a disponibilidade em termos de transportes públicos.
“É a demonstração do envolvimento do sector empresarial privado na diversificação da economia local, na criação de bens e serviços essenciais para a população e na geração de novos postos de trabalho para a juventude”, disse o administrador do Uíge.
Além disso, o administrador Altamiro Benjamim inaugurou o “Bângulo”, um estabelecimento hoteleiro do mesmo grupo, que contém esplanada, restaurante, geladaria, churrascaria e pastelaria.
Dungo Kubi, director-geral da DK, Lda, a empresa que colocou os dois serviços à disposição da população da província do  Uíge, considerou que os preços dos produtos estão ao alcance dos clientes de baixa, média e alta renda.

Tempo

Multimédia