Províncias

União Europeia financia projectos de formação

Luísa Victoriano | Malanje

Um total de oitocentos mil euros foi disponibilizado pela União Europeia para  implementação do projecto “Akulonga capacitar”, que visa reforçar as capacidades das organizações da sociedade civil em advocacia,  através  da formação sobre finanças públicas e debates sobre o Orçamento  Geral do Estado.

Malanje beneficia de ajuda financeira para a educação
Fotografia: Eduardo Cunha | Edições Novembro

De acordo com o oficial do programa de Ajuda da Igreja Norueguesa (NCA), Jordão António,  na abertura  da sessão de formação sobre finanças públicas na perspectiva do género, promovida pela ADRA, em parceria com o Conselho das Igrejas Cristã  (CICA), o projecto vai permitir interagir com os deputados, monitoria social, pesquisas e publicações, para garantirmelhor participação nos processos de formulação, implementação e avaliação do orçamento geral do Estado, bem como aumentar a transparência e prestação de contas.
Acrescentou que a implementação do projecto vai, por outro lado, minimizar as necessidades das comunidades mais vulneráveis e combater a pobreza e as desigualdades. Explicou que o programa de formação teve início em Janeiro do ano em curso e vai durar dois anos. As acções formativas estão a ser implementadas nas províncias de Malanje, Luanda, Benguela, Uíge, Cuanza-Sul, Namibe e Cunene.
Em Malanje, segundo o oficial do Programa de Ajuda da Igreja Norueguesa (NCA), Jordão António, o programa de formação vai ser implementado nos municípios de Malanje, Kiwaba-Nzoge, Quela e  Calandula.

Tempo

Multimédia