Províncias

Vários projectos urbanísticos são reactivados

Pelo menos dez planos urbanísticos interrompidos na província do Cunene, desde 2014, serão reactivados, gradualmente,  a partir do corrente ano até 2022, disse, em Ondjiva, o director local do Ordenamento do Território, Urbanismo e Ambiente.

Fotografia: Edições Novembro

Cirilo Namolo Mwaulange, que falava à Angop sobre o programa do governo de requalificação urbanística da província, sublinhou que entre os planos urbanísticos a serem reactivados constam os de Ondjiva, Ekuma, Calueque, Naulila, Santa-Clara, Okapanda, Cahama, Omuwongo, Oshomukuyo e Xangongo. 
“É intenção do governo dar maior atenção a cada plano urbanístico, para melhor reordenar o território e o urbanismo a nível dos seis municípios da província,  garantir melhores condições de habitabilidade, zonas com os serviços integrados e infra-estruturas”, sublinhou.
O responsável informou que neste momento estão a decorrer acções de levantamento técnico dos referidos planos urbanísticos, de modo a serem identificados os avanços de cada plano e em seguida dar a sua continuidade.
Os planos urbanísticos têm como objectivo garantir o aproveitamento das reservas fundiárias e outras áreas, bem como propiciar aos habitantes serviços sociais básicos, padrões de vida aceitáveis, pois definem as zonas residenciais, administrativas e a instalação de outros serviços.

Tempo

Multimédia