Províncias

Vila de Kikiemba com água potável

Silvino Fortunato | Kikiemba

A carência de água potável que se registava na vila de Kikiemba, município de Bolongongo, desde a época colonial, foi ultrapassada, desde terça-feira, com a entrada em funcionamento de um sistema de captação, tratamento e distribuição, inaugurado pelo governador provincial do Cuanza Norte, Henrique André Júnior.

O sistema abastece com  água potável os 1.933 habitantes da vila de Kikiemba, assim como outros que residem em sete aldeias circunvizinhas. Foram colocados dez chafarizes e feitas 28 ligações domiciliárias. A água para Kikiemba é captada no rio Ndanji, tendo uma extensão de tubagem de cinco quilómetros e 500 metros  e uma rede de distribuição  de 12 quilómetros.
 O governador provincial Henrique Júnior considerou terem sido feitos enormes esforços que permitiram que a população deixasse de percorrer longas distâncias em busca de água. “Não se podem desperdiçar os bens que o governo coloca à disposição das populações, sob pena de duplicação de investimentos”.
O governador provincial Henrique Júnior reconheceu que o seu pelouro enfrenta algumas dificuldades para continuar a construir infra-estruturas de impacto social na comuna, por causa da degradação da via entre Kikiemba e Bolongongo, e disse esperar que a mesma seja reparada para continuarem a construir infra-estruturas de interesse público, melhorar a vida das populações e incentivar o desenvolvimento da localidade.

Tempo

Multimédia