Províncias

Angola LNG está solidária com os regressados da RDC

Víctor Mayala | Mbanza – Congo

Um donativo composto por produtos alimentares e higiénicos, foi entregue, no passado dia 6, a 30 famílias angolanas constituídas por 108 membros regressados da República Democrática do Congo (RDC).

Um donativo composto por produtos alimentares e higiénicos, foi entregue, no passado dia 6, a 30 famílias angolanas constituídas por 108 membros regressados da República Democrática do Congo (RDC).
O donativo foi entregue à comunidade angolana expulsa da RDC pela empresa de exploração do projecto Angola LNG, que vai produzir gás natural liquefeito.
Constam do lote de produtos ofertados 50 sacos de arroz, igual quantidade em caixas de óleo vegetal, caixas de massa alimentar e sacos de fuba de milho, conservas, massa de tomate, barras de sabão e detergentes.
O oficial de ligação com as comunidades de Angola LNG, Daniel Vemba, referiu que a oferta à instituição junta-se ao esforço do governo para minimizar a carência alimentar, bem como demonstrar a solidariedade para com os compatriotas expulsos da RDC.
O vice – governador do Zaire para a Esfera Económica e Social, Francisco Komba, agradeceu o gesto solidário, classificando-o como uma manifestação clara do apoio que Angola LNG está a prestar às comunidades da província.
De acordo com a direcção provincial do Ministério da Assistência e Reinserção Social no Zaire, a existência, até ao momento, de cidadãos nacionais em acampamento, decorre do facto de não terem sido ainda localizados os seus familiares, com vista a que estes facilitem o seu processo de reintegração social na região.
Os cidadãos nacionais estão acampados no perímetro adjacente à aldeia de Mbanza Magina, a cinco quilómetros da cidade de Mbanza – Congo, província do Zaire.

Tempo

Multimédia