Províncias

Casas para jovens concluídas em Agosto

Víctor Mayala | Mbanza Congo

A construção de 100 casas destinadas aos jovens na aldeia do Quilemos, sete quilómetros de Mbanza Congo, deve ficar concluída em Agosto próximo.

Construção de moradias está inserida no programa do Executivo “Angola Jovem”
Fotografia: Adolfo Dumbo| Mbanza Congo

O director provincial do Zaire da Juventude e Desportos, Costa Filho, disse quarta-feira que todas as casas do tipo T3 estão, neste momento, erguidas, restando apenas os acabamentos, trabalho que se pode prolongar até Agosto.
O responsável asseverou que a construção das casas está inserida no programa “Angola Jovem”, desenvolvido pelo Executivo, através do Ministério da Juventude e Desportos. O referido programa engloba vários projectos de impacto social, com destaque para a construção de bairros sociais da juventude, que visa dar aos jovens a oportunidade de realizarem o sonho da casa própria.
Nesta altura, disse Costa Filho, decorre o processo das candidaturas para a aquisição dos imóveis. “Já fizemos um apelo à juventude no sentido de concorrerem às residências”, disse.
Para fiscalizar a empreitada, cujas obras estão a 80 por cento da sua execução, uma delegação do Ministério da Juventude e Desportos esteve em Mbanza Congo. O director salientou que existe já um número considerável de candidatos, esclarecendo que, logo que as casas estejam concluídas e mobiladas, vai se passar para o processo de sorteio e entrega oficial aos beneficiários. Costa Filho disse que a questão dos preços das casas está a ser discutida pelo Ministério da Juventude e Desportos. “A ideia é fazer uma avaliação profunda para encontrar um preço acessível ao bolso dos jovens”, acentuou o responsável provincial. Na província do Zaire foram contemplados com casas sociais para a juventude os municípios de Mbanza Congo, com 100 residências, Soyo (32) e Nzeto (16).
No Soyo foi ainda construída uma casa comunitária, que está apetrechada, aguardando apenas a inauguração, além de decorrer a construção de um pavilhão gimnodesportivo.

Tempo

Multimédia