Províncias

Centenas de partos feitos por cesariana

Kayila Silvina | Mbanza Congo

As autoridades sanitárias da província do Zaire registaram 306 casos de cesarianas, de um total de 6.858 partos, durante o primeiro semestre do ano, avançou segunda-feira a supervisora da sala da maternidade do hospital central.

Tussamba Nginamau explicou igualmente que dos 6.858 partos realizados naquela unidade clínica provincial e outros por parteiras tradicionais, 258 resultaram em nados mortos.
No período em análise, segundo a supervisora da sala de maternidade, foram efectuados o corte de transmissão vertical em 36 gestantes portadoras de vírus VIH/Sida, para evitar o contágio de mãe para filho. A supervisora Tussamba Nginamau esclareceu que os casos de nados mortos são consequência, principalmente, da malária, uma doença que tem afectado algumas gestantes, aliada à chegada tardia das mesmas à maternidade.
A responsável aconselhou as mulheres grávidas a cultivarem o hábito de irem às consultas pré-natais e dormirem debaixo do mosquiteiro tratado com insecticida, para se evitarem situações imprevisíveis no acto do parto.
A secção da maternidade do Hospital Provincial do Zaire tem capacidade para internar  oito parturientes, estando o atendimento assegurado por um médico cubano, especialista em ginecologia e obstetrícia, e 11 enfermeiras.

Tempo

Multimédia