Províncias

Entrega de lotes de terreno

A primeira pedra para o arranque do projecto de auto-construção dirigida destinado aos jovens da província do Zaire foi lançada segunda-feira em Mbanza Congo, pelo governador José Joanes André.

Jovens do Zaire podem ter casa própria com o projecto de auto-construção dirigida
Fotografia: Jornal de Angola

O acto de lançamento do projecto, que decorreu nas reservas fundiárias localizadas na aldeia de “Kilemos”, situada a sete quilómetros a sul da cidade de Mbanza Kongo, na estrada que liga à comuna fronteiriça do Luvo, enquadrou-se nos festejos do Dia do Herói Nacional, assinalado a 17 de Setembro.
De forma simbólica foram entregues lotes de 25 metros de comprimento e 20 de largura a alguns jovens da aldeia, que por iniciativa própria devem erguer as suas residências obedecendo aos padrões previamente estabelecidos.
O vice-governador para o sector técnico e infra-estruturas, Ângela Diogo, disse que ao governo cabe a responsabilidade de organizar as áreas loteadas, com a construção de vias rodoviárias, sistemas de abastecimento de água e fornecimento de energia eléctrica, centros médicos, comerciais, escolas, entre outros equipamentos.
A entrega de lotes de terreno aos jovens, referiu, surge também para dar resposta à orientação do Presidente da República, José Eduardo dos Santos, que recomenda aos Governos Provinciais maior celeridade nos projectos de inclusão da juventude.
“Sem olhar para a orientação política de cada jovem, estamos a ver a inclusão de jovens no seu todo e a prestar-lhes todo o apoio que necessitam”, clarificou, sublinhando que  antes do acto de atribuição de lotes, os jovens tiveram ocasião de visitar projectos habitacionais em curso, para terem a possibilidade de escolher se querem fazer a sua própria construção, dentro dos parâmetros da urbanização, ou preferem participar nas políticas de financiamento habitacional para se habilitarem às casas em execução, no âmbito do programa habitacional para a juventude.

Tempo

Multimédia