Províncias

Grande adesão ao planeamento

O número de mulheres em idade fértil que procurara orientação médica para o planeamento familiar no Hospital Provincial do Zaire, em Mbanza Congo, passou de 6.238 em 2013 para 10.316 no ano passado.

De acordo com o chefe de secção dos cuidados primários de saúde da direcção local do sector, Domingos Dilukila, o referido programa atende mulheres em idade fértil (18 aos 45 anos) que manifestam voluntariamente o desejo de aderirem ao planeamento familiar.
O responsável explicou que o crescente interesse pelo programa deveu-se às acções de educação sobre saúde reprodutiva, que têm sido promovidas pelas autoridades sanitárias. /> “Temos feito palestras no sentido de esclarecer as mulheres da região sobre os riscos decorrentes das gravidezes indesejadas e as vantagens e desvantagens do serviço de planeamento para as famílias”, afirmou a responsável dos cuidados primários de saúde.
Durante o ano passado, segundo o responsável, realizaram-se também campanhas de educação sobre as doenças de transmissão sexual como a sífilis, gonorreia, hepatites e Sida.

Tempo

Multimédia