Províncias

Igrejas no Zaire pedem aos pais maior controlo

Kayila Silvana| Mbanza Congo

O Conselho das Igrejas Cristãs em Angola (CICA), no Zaire, chamou a atenção dos líderes familiares, ontem, em Mbanza Congo, para estarem mais atentos ao quotidiano dos filhos, para evitarem os inúmeros casos de gravidez precoce.

O apelo foi feito pelo coordenador provincial do CICA, pastor Álvaro Rodrigues, acrescentando que  as igrejas estão  preocupadas com o aumento de casos de casamentos preococes, nos últimos tempos.
A par destes dois fenómenos, o líder religioso disse constituir  preocupação os abortos provocados, o uso excessivo de bebidas alcoólicos por jovens e o consumo de  drogas ilícitas.
Álvaro Rodrigues aconselhou os jovens a dedicarem-se mais aos estudos e às actividades socialmente úteis, com vista a contribuírem para o desenvolvimento da província do Zaire  e do país.
Presente na cerimónia ecuménica em alusão ao Dia da Paz, o governador provincial, Joanes André, reafirmou a prioridade das autoridades na construção de mais escolas, hospitais e centros de saúde, estradas e distribuição de energia e água.
O governador provincial referiu que, desde 2002, foram construídas 2.124 salas de aulas, vários hospitais municipais, redes técnicas para aumentar a capacidade de abastecimento de energia eléctrica e água em todas as sedes dos municípios e comunais, além de serem asfaltadas as vias urbanas.

Tempo

Multimédia