Províncias

Mais água potável nas aldeias e vilas

Fernando Neto | Mbanza Congo

Mais de 800 habitantes de localidades dos municípios de Mbanza Congo, Nzeto e Cuimba passaram a beneficiar de água potável desde ontem, com a entrada em funcionamento de 12 sistemas de distribuição.

Inaugurados pelo governador provincial do Zaire, Joanes André, no quadro do programa Água para Todos, os sistemas de captação, tratamento e distribuição facilitam o acesso à água aos moradores das aldeias das comunas do Ntoni e de Luanika.
Os sistemas possuem capacidade para distribuir cinco metros cúbicos de água por hora, captada na bacia do rio Lunda e bombeada para uma estação de tratamento equipada com meios de desinfecção e filtragem.

Placas solares


A estação de tratamento de água recebe energia através de placas solares. Comporta um balneário, com oito chuveiros, quatro tanques de lavar roupa e um chafariz com quatro torneiras. Um tanque elevatório com 129 metros cúbicos foi instalado na estação, para facilitar a distribuição da água por gravidade.  O governador provincial do Zaire, Joanes André, pediu aos habitantes para cuidarem da infra-estrutura. Nos próximos meses, garantiu, outros 11 sistemas de distribuição entram em funcionamento.

Tempo

Multimédia