Províncias

Município com mais postos de saúde

Fernando Neto | Mbanza Congo

Os postos de saúde agora inauguras no bairro Cazanga e na comuna do Luvo, Mbanza Congo, foram instalados no âmbito da política nacional de aproximação daqueles serviços à população, disse o director provincial do sector. 

Serviços mais próximos da população
Fotografia: Eunice Suzana | Uíge

Os postos de saúde têm serviços de consulta pré-natal, vacinação, análises, medição dos níveis de glicemia e de farmácia. O director provincial de Saúde regozijou-se com o aumento do número de unidades sanitárias, mas referiu que começa a haver falta quadros, “situação difícil de se resolver”. 
A solução, salientou João Paulo, é as Administrações Municipais, com base do que estipula o Programa de Combate à Pobreza, contratarem técnicos de saúde fora da província.
As autoridades tradicionais do bairro Cazanga e da comuna do Luvo exprimiram ­naturalmente satisfação com a inauguração dos postos de saúde. “Os postos de saúde são muito importantes para estas comunidades”, disse o regedor da comuna do Luvo, Massamba Nsiona, que pediu ao governador provincial, Joanes André, que presidiu às cerimónias de inauguração, a conclusão das obras de uma escola, iniciadas em 2010.
O governador provincial garantiu que as obras da escola recomeçam no próximo mês, bem como a reabilitação de um centro médico do bairro Ngoma, periferia de Mbanza Congo.“Estamos a construir muitas escolas, mas temos consciência de que há muito a fazer, pois
A meta é até 2016 todas as crianças frequentem escolas condignas”, declarouO governador provincial visitou as o­bras da construção das vias urbanas de Mbanza Congo, que devem ser asfaltadas este ano. Joanes Andre visitou igualmente 55 famílias regressadas da República Democrática do Congo que estão instaladas no centro de trânsito de Kinzau.
O director provincial da Assistência e Reinserção Social, José António, disse é o décimo grupo de regressados angolanos, desde o início do processo de repatriamento voluntário e organizado iniciado em Novembro.

Tempo

Multimédia