Províncias

Novos centros de artes e ofícios no Zaire

Fernando Neto | Mbanza Congo

Em Mbanza Congo, por iniciativa do Ministério da Assistência e Reinserção Social (MINARS), estão a ser construídos cinco naves de artes e ofícios destinadas à formação técnicoprofissional dos angolanos regressados do Congo Democrático e de deficientes.

Em Mbanza Congo, por iniciativa do Ministério da Assistência e Reinserção Social (MINARS), estão a ser construídos cinco naves de artes e ofícios destinadas à formação técnicoprofissional dos angolanos regressados do Congo Democrático e de deficientes. A directora provincial do MINARS afirmou que vão funcionar cursos de mecânica auto, electricidade, corte e costura e informática.
Cada nave, constituída por um vasto salão, área administrativa, recepção, dois quartos de banho e vestiários, ocupa uma área coberta de 24 por 12 metros e tem capacidade para mais de 20 formandos.  
Neste momento decorrem trabalhos de reboque da última nave e o empreiteiro prepara-se para transportar o equipamento para  apetrechar os pavilhões para o projecto poder funcionar, disse a directora Madalena das Dores.

Tempo

Multimédia