Províncias

Novos universitários no Soyo

Jaquelino Figueiredo | Soyo

Um total de 384 novos estudantes foram admitidos, este ano lectivo, na Escola Superior Politécnica do Soyo, província do Zaire, o que representa um grande ganho para a região, disse, no sábado, o director da instituição académica.

Caloiros baptizados em cerimónia de apresentação de novos estudantes da instituição
Fotografia: Jaquelino Figueiredo

Um total de 384 novos estudantes foram admitidos, este ano lectivo, na Escola Superior Politécnica do Soyo, província do Zaire, o que representa um grande ganho para a região, disse, no sábado, o director da instituição académica.
João Marciano considerou o acto de baptismo dos caloiros como uma forma de se honrar a presença dos mesmos na instituição e incutir-lhes o espírito de um bom estudante. Considerou, ainda, que estes novos estudantes passaram a fazer parte da família universitária, mas só serão considerados estudantes universitários depois de concluírem, no mínimo, duas cadeiras científicas.
Jeremias Nenfuto, um dos caloiros, considerou o acto de suma importância para quem começa o ensino superior. “Na qualidade de novo estudante, sinto-me muito alegre e tudo farei para concretizar os meus objectivos, que passam pela formação superior”.
Pediu ainda aos seus novos colegas para estudarem, porque quantos mais quadros melhor para o município e para a província.
A Escola Superior Politécnica do Soyo lecciona os cursos Pedagogia, Ensino de Matemática, Engenharia Informática, Ensino Primário e Manutenção Industrial.

Tempo

Multimédia