Províncias

Pequenos ruminantes vacinados no Zaire

Adolfo Dumbo | Mbanza Congo

Mais de 30 mil animais de várias espécies vão ser vacinados nos municípios de Mbanza Congo, Soyo, Cuimba e Nóqui, na fronteira com a República Democrática do Congo, no quadro do plano nacional de intervenção para o controlo da Peste dos Pequenos Ruminantes (PPR).

O programa de vacinação, promovido pelo Instituto de Serviços Veterinários, foi lançado oficialmente na quarta-feira, na fazenda Mbanza Magina, arredores da capital da província do Zaire.
O director provincial do Zaíre da Agricultura e do Desenvolvimento Rural, João Domingos, explicou que, para garantir o êxito do programa, foram criadas quatro equipas, entre vacinadores e supervisores, nos municípios abrangidos.
Na província do Zaire os primeiros casos da peste de pequenos ruminantes foram detectados na fazenda Mbanza Magina, com a morte de 67 cabritos. Por isso, pediu aos criadores de animais na região para agruparem os seus animais em currais e outros espaços apropriados para serem vacinados.
“A campanha de vacinação de pequenos ruminantes tem uma importância capital, já que vai prevenir a peste e manter forte a imunidade dos animais”, adiantou o médico veterinário, Ângelo João Zua, lembrando que muitos dos animais diagnosticados com a doença, durante o ano passado, acabaram por  morrer.

Tempo

Multimédia