Províncias

Pólo universitário do Soyo concluído ainda este mês

A construção do pólo universitário do Soyo, província do Zaire, afecto à Universidade 11 de Novembro, fica concluído até ao fim deste mês, adiantou ontem à Angop, o administrador municipal, Manuel António.

Estudantes do Soyo vão contar com mais opções para dar prosseguimento à formação
Fotografia: Jornal de Angola

A construção do pólo universitário do Soyo, província do Zaire, afecto à Universidade 11 de Novembro, fica concluído até ao fim deste mês, adiantou ontem à Angop, o administrador municipal, Manuel António.
Localizada na zona do Quintambi, a instituição possui 22 salas, ginásio, sala de conferências com capacidade para 300 pessoas, biblioteca, residências para docentes, internato para discentes, entre outros.
O empreendimento, cujos anexos estão a ser erguidos por uma empresa angolana, possibilitou que mais de 50 cidadãos angolanos consigam empregos.
Manuel António disse que a construção deste empreendimento se enquadra na concretização dos objectivos do Governo de dar mais qualidade ao ensino e de desenvolvimento da região.
Dados recentes indicam que os pólos universitários da Universidade 11 de Novembro albergam uma população de 1.400 estudantes em Mbanza Congo e no Soyo, desde que foram criadas em 2010 e 2011.
A Universidade 11 de Novembro encontra-se localizada na Região Académica III, que corresponde às províncias de Cabinda e do Zaire, composta pelos Institutos Superiores de Ciências da Educação (ISCED), Politécnicos de Cabinda, Mbanza Congo e Soyo, além das Faculdades de Direito, Economia e Medicina.

Tempo

Multimédia