Províncias

Produtos do campo sem escoamento

Valter GOmes | Mbanza Congo

Camponeses da aldeia do Dambi, na sede provincial do Uíge, intensificaram a produção de mandioca, banana, café, milho, feijão e jinguba, disse ontem ao Jornal de Angola o regedor da localidade.

Fotografia: JAIMAGENS

João Bondo lamentou que os agricultores da aldeia não disponham de transporte para escoarem a produção, o que faz que “muitos deles tenham toneladas de nos campos”.
O regedor referiu que os agricultores estão igualmente apostados em revitalizar a Cooperativa do Dambi que deixou de funcionar há cerca de 20 anos devido à guerra e que chegou a ter 400 associados.
João Bondo revelou que o objectivo é que a cooperativa inclua também Piqui, Quimbungo, Cabari e localidades do município do Negage. Antigamente a cooperativa funcionava com mais de 400 associados />O regedor da aldeia lamentou igualmente que a estrada de aceso à capital da província esteja em estado deplorável, o que também prejudica o  escoamento dos produtos.
O soba grande do Quituia, Vila Domingos, corroborou a opinião e  disse que a reabilitação da estrada incitava os camponeses a aumentar e produção e contribuía para o desenvolvimento da região .
Em função disso, a autoridade tradicional apelou o governo, para incluir esta via nos programas de melhoria e recuperação de estradas da província do Uíge.

Tempo

Multimédia