Províncias

Programa "Água para Todos" chegou à comuna do Luvo

O administrador comunal do Luvo, Inácio de Almeida, anunciou que pelo menos seis mil habitantes das localidades do Sumpi, Nkoko e Dobo, comuna do Luvo, município de Mbanza Congo, província do Zaire, beneficiam em Agosto próximo de água potável, no quadro do Programa “Água para Todos”.

Diversos chafarizes estão a ser instalados
Fotografia: Jornal de Angola

O administrador comunal do Luvo, Inácio de Almeida, anunciou que pelo menos seis mil habitantes das localidades do Sumpi, Nkoko e Dobo, comuna do Luvo, município de Mbanza Congo, província do Zaire, beneficiam em Agosto próximo de água potável, no quadro do Programa “Água para Todos”.
Inácio de Almeida, em declarações sexta-feira à Angop, assegurou que actualmente a concretização do programa encontra-se na segunda fase, que consiste na instalação da rede de distribuição de água potável e chafarizes.
“Na aldeia do Nkoko, a empresa a quem foi adjudicada a obra já está a instalar a rede de distribuição de água, ao que se segue a montagem de cinco chafarizes. Para a localidade do Sumpi prevê-se a colocação de sete chafarizes, atendendo à densidade populacional da circunscrição”, disse.
O administrador revelou que para a regedoria do Dobo, situada a oeste da comuna do Luvo, as obras de construção do sistema de captação, tratamento e distribuição de água já estão concluídas, faltando apenas alguns arranjos para a sua inauguração. Inácio de Almeida disse que a entrada em funcionamento dos referidos sistemas de abastecimento de água potável contribui para a redução de algumas doenças provocadas pelo consumo de água não tratada.
Com uma extensão de 1.200 quilómetros quadrados, a comuna do Luvo, que se situa 60 quilómetros a norte da cidade de Mbanza Congo, tem uma população estimada em 12.400 habitantes.

Tempo

Multimédia