Províncias

Reposta circulação entre as duas localidades

Fernando Neto | Mbanza Congo

A circulação rodoviária entre a comuna de Madimba e a sede municipal de Mbanza Congo, na província do Zaire, interrompida no passado mês de Outubro, em consequência do desabamento da ponte metálica sobre o rio Lueji, provocado por um camião carregado de brita, foi reposta sábado com a montagem de uma nova estrutura.

Instalação da ponte normalizou a situação
Fotografia: Garcia Mayatoko|Mbanza Congo

A nova ponte, também de estrutura metálica, foi inaugurada pelo governador provincial do Zaire, José Joanes André.
 O governador considerou importante a via para o desenvolvimento da região, lembrando ser de sejo do Executivo é fazer mais e melhor no sentido de oferecer condições condignas à população e desenvolver as regiões com acções concretas, como construção de hospitais, escolas, estradas e outras infra-estruturas. O director provincial do Instituto Nacional de Estradas no Zaire (INEA), Manuel Diangani, referiu que a antiga ponte, construída em 1976, era muito inferior em relação à actual, com 33 metros de comprimento e quatro de largura, que pode suportar 40 toneladas de carga bruta.
Para prevenir deslizamentos de terra, a base de sustentabilidade da estrutura da ponte metálica foi feita em maciço de betão armado.
  Madimba dista 75 quilómetros de Mbanza Congo e é uma região potencialmente agrícola.
 Várias acções de impacto social estão em curso na localidade, como a construção de escolas, residências para técnicos e postos de saúde.

Tempo

Multimédia