Províncias

Ruas do Soyo são asfaltadas

Jaquelino Figueiredo | Soyo

As principais ruas da cidade petrolífera do Soyo, na província do Zaire, começaram a ser asfaltadas na quinta-feira no quadro do programa de construção de infra-estruturas integradas financiado pelo Executivo para conferir melhor imagem arquitectónica aos diversos municípios do país.

As principais ruas da cidade petrolífera do Soyo, na província do Zaire, começaram a ser asfaltadas na quinta-feira no quadro do programa de construção de infra-estruturas integradas financiado pelo Executivo para conferir melhor imagem arquitectónica aos diversos municípios do país.
As obras, orçadas em 38,5 milhões de dólares, são executadas pela empresa chinesa Sinohydro e fazem parte da primeira das quatro fases do programa de infra-estruturas integradas para o município do Soyo.
A primeira fase do programa em curso contempla a requalificação de 6,7 quilómetros de ruas e passeios do casco urbano do Soyo, incluindo todas as redes técnicas, nomeadamente a instalação de linhas telefónicas, de abastecimento de água potável, iluminação pública, sistemas de drenagem de águas pluviais e residuais e o sistema de fibra óptica.
No final do mês deve estar concluída a rua do aeroporto local com pouco mais de um quilómetro de extensão. O coordenador do projecto de infra-estruturas integradas da província do Zaire, Eduardo Chilembo, referiu que ultrapassados que estão os condicionamentos que estiveram no atraso da execução das obras, estão agora criadas as condições para o cumprimento dos prazos contratuais.
Sobre a água potável, Eduardo Chilembo referiu que as obras em curso contemplam a construção de uma nova rede adutora com 2,2 quilómetros de extensão e 300 milímetros de diâmetro, 17 quilómetros de colectores principais e 500 ligações domiciliares, a partir da central de captação do Nvuembanga.

Tempo

Multimédia