Províncias

Soyo em festa

Jaquelino Figueiredo | Soyo

A antiga vila de Santo António do Zaire, actual sede do município petrolífero do Soyo, completou sexta-feira 39 anos desde que ascendeu à categoria de cidade, em 5 Abril de 1974, sob portaria nº 320, da então administração colonial portuguesa.

O município petrolífero do Soyo regista, actualmente, um crescimento notável na esfera económica e social. Apesar de algumas insuficiências que ainda se verificam na produção de água potável e energia eléctrica, infra-estruturas escolares e hospitalares, os habitantes reconhecem o esforço do Executivo angolano no incremento e na melhoria de condições sociais.
A indústria petrolífera e de gás, a hotelaria e turismo e a banca são os sectores que mais cresceram depois da conquista da paz, em 2002.
A reabilitação das vias rodoviárias e a construção de uma nova urbanização, com mais de seis mil fogos habitacionais, também são acções a destacar.
Para comemorar o dia da cidade, a administração municipal agendou uma série de actividades, com destaque para as actividades desportivas e culturais, a palestra subordinada ao tema “Como salvaguardar ou preservar as conquistas da paz” e campanhas de limpeza.

Tempo

Multimédia