Províncias

Universitários foram solidários com crianças

Kayila Silvina | Mbanza Congo

As 97 crianças acusadas de feitiçaria pelos familiares e que vivem no centro de acolhimento Frei Giorgio Zulianello, em Mbanza Congo, província do Zaire, receberam vários artigos de primeira necessidade oferecidos pelos primeiros finalistas da Escola Superior Politécnica.

Os estudantes entregaram sacos de açúcar, arroz, fuba de milho, leite em pó, feijão, óleo alimentar, sal e detergentes.
Paulinha Cutinha, estudante do curso de Psicologia, prometeu que as crianças do centro vão continuar a merecer apoio psicológico e material dos estudantes da escola  e salientou a importância da sociedade ajudar instituições como o centro de acolhimento Frei Giorgio Zulianello.
As crianças do centro agradeceram a oferta e pediram mais acções do género, pois continuarem a sentir dificuldades a nível de alimentação, vestuário e artigos escolares.

Tempo

Multimédia