Províncias

Vacinadadas milhares de crianças

Jaquelino Figueriredo | Soyo

Um total de 42.889 crianças menores de cinco anos foram vacinadas contra a paralisia flácida no município do Soyo, das 44.860 previstas, durante a segunda fase da campanha, revelou ontem ao Jornal de Angola o director municipal da Repartição da Saúde local.

Resultados alcançados durante a recente campanha de vacinação contra a poliomielite ultrapassaram as expectativas das autoridades
Fotografia: Santos Pedro

Pedro Lusukamu disse que apesar da campanha não ter atingido o número de crianças previstas, ela foi positiva dada a entrega das equipas de vacinação e a colaboração dos fiéis de várias congregações religiosas que jogaram um papel determinante na mobilização da população.
O director municipal da Repartição da Saúde destacou o papel desempenhado pelas forças da Marinha de Guerra da  Região Naval Norte, que trabalharam com as equipas de vacinação para se alcançar as ilhas ao longo do rio Zaire. "Estamos muito satisfeitos com os resultados alcançados na campanha de vacinação. Ficamos surpreendido pela positiva ao vermos membros de algumas seitas religiosas  permitirem que os filhos fossem vacinados, o que não acontecia no passado. Com isso, penso terem ultrapassado o preceito à respeito da vacina, o que é muito bom, pois vamos ter crianças saudáveis."  
O director municipal da Repartição da Saúde do Soyo disse que, apesar de haver um grande envolvimento da sociedade, lamentou o comportamento de algumas sensibilidades que, mesmo com os apelos constantes, continuam a impedir  que as crianças tomem a vacina.

Tempo

Multimédia