Províncias

Vila do Cuimba tem nova escola pública

Kayila Silvina | Cuimba

O governador do Zaire, Joanes André, inaugurou,  no município do Cuimba, uma escola do segundo ciclo do ensino secundário, com 24 salas.

O novo estabelecimento de ensino do município foi inaugurado pelo governador Joanes André
Fotografia: João Mavinga|Cuimba

A infra-estrutura, construída à luz do Programa de Investimentos Públicos, contempla, igualmente, um campo polidesportivo e gabinetes administrativos, sala de informática e biblioteca.
O governador Joanes André aconselhou os jovens do Cuimba a apostarem nos estudos, lembrando que a formação constitui a maior riqueza de um país. Anunciou que estão a­bertas as inscrições de candidatos a bolsas de estudo no Instituto Médio dos Petróleos do Soyo. Cada município, dos seis que compõem a província, tem direito a dez vagas.
“Os candidatos interessados nas bolsas devem dirigir-se às repartições municipais da Educação, terem como habilitações literárias a décima classe e idade compreendida entre os 15 e os 16 anos”, disse Joanes André.
O governador sublinhou que têm prioridade nas bolsas de estudo internas os candidatos que sejam órfãos, filhos de antigos combatentes e veteranos da pátria. O responsável da E­ducação do Cuimba, André Benjamim, disse que a nova escola vai albergar 1.080 alunos, em dois turnos.  A rede escolar do município do Cuimba conta actualmente com 52 escolas do ensino primário e do segundo ciclo. André Benjamim defendeu o enquadramento de mais professores no município, para dar resposta à procura actual.  O responsável da repartição da Educação no Cuimba informou que cinco mil alunos beneficiam de merenda escolar e material didáctico. André Benjamim defendeu a necessidade de recrutar professores que tenham agregação pedagógica, para permitir a melhoria da qualidade do ensino.
Os alunos  prometeram cuidar da escola e agradeceram os esforços do Governo Provincial do Zaire na construção de mais estabelecimentos de ensino, que têm permitido a inserção de mais crianças no sistema normal de ensino e aprendizagem. Para o secretário provincial do Conselho Nacional da Juventude no Zaire, Manuel Andrade Proença, a construção e recuperação de várias intra-estruturas no domínio da Educação, Saúde, Habitação, Emprego e estradas demonstra a vontade do Executivo na criação de condições para o bem-estar dos jovens, em particular, e dos cidadãos no geral.
O secretário do Conselho da Juventude aconselhou os jovens da região a dedicarem-se à formação académica e técnico-profissional.

Tempo

Multimédia