Arquivo

Filtrar por Data

Albinos pedem saúde gratuita

Ao narrarmos histórias da nossa infância, vulgarmente se comenta que então “éramos felizes e não sabíamos”, mas, se tivermos coragem para nos darmos ao trabalho de aguçar um pouco mais a memória, decerto daremos conta de actos que então praticávamos na maior das inocências, diante dos quais, hoje em dia, resta-nos concordar que era tão grande a nossa ignorância e que, se desconhecendo a felicidade de alguns momentos, tínhamos de tal forma as mentes moldadas pelos preconceitos que nos permitíamos a tratar mal o nosso semelhante, assim que detectássemos nele a mais simples diferença.

Tempo

Multimédia