Sociedade

Angola recebe mais 33 toneladas de material

Edivaldo Cristóvão

Angola recebeu, ontem, mais 33 toneladas de material de biossegurança de um conjunto de 300 toneladas encomendas à China através de um convénio com aquele país.

Fotografia: Paulo Mulaza | Edições Novembro

Com a chegada destes meios perfazem 250 toneladas a quantidade de material que veio da China e que começou a ser distribuído para as diferentes províncias do país.

De acordo com o secretário de Estado para a Área Hospitalar, Leonardo Inocêncio, o material, transportado pela companhia de bandeira, TAAG, inclui equipamentos de protecção individual, camas, ventiladores e luvas cirúrgicas e especiais para o manuseamento e tratamento de pacientes contaminados pela Covid-19.

Actualmente, o país conta com 150 ventiladores não invasivos e 80 invasivos. O secretário de Estado explicou que os ventiladores não invasivos são utilizados em zonas remotas, onde não há especialistas em cuidados intensivos.

Dia Mundial Sem Tabaco

Por ocasião do Dia Mundial Sem tabaco, assinalado ontem, o secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda, aconselha a população a abster-se do consumo do cigarro.

O governante lembrou que os fumadores estão mais propensos a complicações com a saúde.

O secretário de Estado alertou que existe um número elevado de doenças crónicas no país decorrentes do uso excessivo do tabaco.

O Dia Mundial Sem Tabaco é comemorado desde 1987, a 31 de Maio. O lema escolhido para este ano é "Proteger os jovens contra as manipulações da indústria".

Tempo

Multimédia