Sociedade

Antigos estudantes do Canhe estão reconhecidos

O contributo da Missão Católica do Canhe, arredores da cidade do Huambo, no processo de formação espiritual e académica foi reconhecido pelos antigos estudantes.

 

Igreja Católica desempenha um papel fundamental na formação espiritual e académica
Fotografia: Eunice Suzana | Edições Novembro

O bispo do Dundo, Dom Estanislau Tchindecasse, o arcebispo emérito do Lubango, Dom Zacarias Camuenho, o governador do Bié, Boavida Neto, e antigos estudantes da missão, destacaram o papel da Igreja na formação do homem.
No final de uma celebração eucarística alusiva aos 75 anos da existência da  Missão Católica do Canhe, recuaram no tempo e apontaram a relevância da instituição, enquanto monumento de evangelização, formação académica e humana das populações autóctones.O governador da província do Bié, Boavida Neto, disse que a Missão do Canhe teve um papel de destaque na formação do homem na província e foi uma referência para o país.
Hoje, disse o governador, continua a ser uma referência positiva nesta vertente, tendo em conta o trabalho que tem prestado desde a sua fundação. Por isso, Boavida Neto defendeu mais investimentos para promover o seu desenvolvimento e o ordenamento urbanístico das comunidades circunvizinhas.

Tempo

Multimédia