Sociedade

Assessoria jurídica acessível aos jovens

Um protocolo de cooperação jurídica gratuita, com o objectivo de prestar consulta e assessoria jurídica, foi assinado na sexta-feira, em Luanda, entre o Conselho Provincial da Juventude de Luanda e o escritório de advogados “APF e Advogados”.

Jovens passam a beneficiar de conselho legal gratuito
Fotografia: Maria Augusta | Edições Novembro

Segundo Marcos Gomes, representante dos escritórios de advogados, a razão do protocolo é o facto dos jovens  “apresentarem preocupações de vária índole  e alegarem não encontrar respostas”.
O protocolo tem ainda como objectivo prestar apoio jurídico ao Conselho Provincial da Juventude de Luanda e seus associados. Por parte do CPJL rubricou o documento o seu secretário executivo, Isaías Galunga, e pelos advogados Marcos Gomes.
Isaías Galunga esclareceu que, doravante, os jovens  da província de Luanda podem dirigir-se ao Conselho Provincial da Juventude de Luanda e apresentar as suas preocupações quando estiverem perante um caso de fórum jurídico e desprovidos de condições financeiras. Daí, serão encaminhados ao escritório da “APF e Advogados”.
 O Conselho Provincial da Juventude de Luanda é uma plataforma juvenil composta por 39 organizações juvenis, que funciona em parceria com o Governo e elabora e executa políticas para a juventude. 

Tempo

Multimédia