Sociedade

Benguela: Cidadã asfixia filha de um ano

Maximiano Filipe | Benguela

Uma criança do sexo feminino, de apenas um ano, perdeu a vida, no passado domingo, depois de ter sido asfixiada pela própria mãe, no interior de uma viatura de marca “Hiace”, que fazia serviço de táxi, no troço Catengue/Benguela.

Fotografia: DR

Segundo o porta-voz do Serviço de Investigação Criminal em Benguela, Victorino Kotingo, a autora do crime é uma cidadã de 38 anos, que saia do município do Cubal com destino à Benguela, por volta das 19 horas, que diz ter se aproveitado da distracção dos ocupantes da viatura, numa área com fraca iluminação, para pressionar com as mãos o pescoço da criança e cobrir-lhe o nariz.

Victorino Kotingo acrescentou que a cidadã, já ouvida pelo Ministério Público, diz ter praticado o acto por estar frustrada devido às condições sociais e à separação com o marido, que ocorreu já há alguns meses. A detenção ocorreu às 9 horas de segunda-feira. A acusada de homicídio voluntário está detida na penitenciária do Cavaco, arredores da cidade de Benguela.

 

Tempo

Multimédia