Sociedade

Calembas na Ilha do Cabo põem banhistas em risco

As praias da Ilha do Cabo não devem ser utilizadas até à próxima semanaM devido à ocorrência de calembas, desde segunda-feira, alertou na quinta-feira o Serviço de Protecção Civil e Bombeiros.

As praias não devem ser utilizadas até à próxima semana
Fotografia: Domingos Cadência| Edições Novembro

O porta-voz Faustino Minguês disse à Angop que a unidade de náufragos, localizada no bairro Chicala I,  instalou um sistema de alerta para informar a população se houver aproximação de calembas. Até à próxima semana, devido à ocorrência de calembas, as praias da Ilha do Cabo são consideradas perigosas para a actividade balnear, avisou o porta-voz do Serviço de Protecção Civil e Bombeiros. Segundo Faustino Minguês, casos de afogamentos  são em parte resultantes da falta de cumprimento das medidas de segurança por banhistas.
“As pessoas devem evitar estar à beira-mar, até para apanhar sol, porque se registam fortes ondas, que podem atingir alturas muito elevadas a qualquer hora”, esclareceu o porta-voz.
Com cerca de dez quilómetros de comprimento, a Ilha do Cabo é habitada por aproximadamente dez mil pessoas e tem praias utilizadas por centenas de banhistas, oriundos de vários bairros de Luanda.

Tempo

Multimédia