Sociedade

Cidadão assaltado após venda da viatura

André da Costa

Dois meliantes armados com uma pistola retiraram, sob ameaça de morte, das mãos do cidadão Vicente Chinguari,30 anos,4,8 milhões de kwanzas, minutos depois de ter vendido a sua viatura.

Fotografia: Edições Novembro

Segundo informações da Polícia Nacional, o caso teve lugar no bairro Morro Bento, Distrito Urbano da Samba, província de Luanda. Esclarece a que a ocorrência registou-se por volta das 16 horas de ontem, quando o jovem Vicente Chinguari tinha acabado de vender a sua viatura, a um sujeito não identificado.
A queixa-crime foi apresentada a uma esquadra da Polícia Nacional estado os operativos do Serviço de Investigação Criminal (SIC) a efectuar diligências no sentido de encontrar os supostos autores do crime.
No município de Icolo e Bengo, elementos desconhecidos furtaram um milhão e 300 mil kwanzas no interior de uma empresa de alimentação.De acordo com a responsável da empresa, Maria Silva, 60 anos, o furto ocorreu no bairro KM 33, Distrito Urbano da Bela Vista, quando os meliantes aproveitaram-se da ausência dos funcionários.
No bairro do Hoji Ya Henda, rua do Funchal, a Polícia Nacional deteve o cidadão José Lomena, 68 anos, segurança de uma empresa, por supostamente ter ameaçado de morte a cidadã Cristina Fernanda.
Segundo a Polícia Nacional, o caso sucedeu quando a lesada sentou-se na cadeira do acusado, que se encontrava em serviço, originado uma discussão entre ambos, o que motivou José Lomena, em posse de uma AKM, ameaçá-la de morte.
A acção levou Cristina Fernando a dirigir-se a uma das esquadras do bairro, onde apresentou a queixa, que culminou com a detenção do José Lomena. A Polícia Nacional deteve ainda dois jovens, por supostamente terem agredido fisicamente o cidadão Pedro Samarco, de 29 anos. O caso ocorreu no bairro da Pedreira, nos Mulenvos, em Cacuaco quando um desentendimento provocou uma briga entre ambos num convívio. 
No bairro da Camuxiba, na Samba, foi detido o jovem Walter Bernardo, 30 anos, por ter desferido golpes com um caco de garrafa ao cidadão Afonso Melo. O caso, segundo a Polícia Nacional, aconteceu na Rua da Mabunda, no Distrito Urbano da Samba. 

Tempo

Multimédia