Sociedade

Covid-19: MPLA exorta militantes a cumprirem com as medidas de prevenção

Arão Martins | Lubango

O primeiro secretário provincial do MPLA na Huíla exortou ontem, no Lubango, os militantes e a população em geral a continuarem a cumprir com as medidas de biossegurança contra à Covid-19.

Fotografia: DR

Luís Nunes, que discursava na abertura da VIII Reunião Ordinária daquele Comité, frisou que, uma altura em que a província da Huíla já tem caso positivo da Covid-19, importado de Luanda, as medidas de biossegurança evitam a propagação da doença. “É responsabilidade individual e colectiva acatar as medidas de prevenção”, defendeu.

O também governador provincial da Huíla destacou que “a protecção de todos depende do comportamento de cada um de nós”. Referiu que o Plano de Contingência contra à Covid-19 priorizou a aquisição de equipamentos técnicos, materiais de biossegurança e produtos alimentares, distribuídos às famílias vulneráveis, em especial aos idosos, deficientes e portadores de HIV/Sida.
Luís Nunes disse que o Partido está a trabalhar permanentemente e a acompanhar as acções do Executivo, liderado pelo Presidente João Lourenço, que está empenhado em desenvolver um conjunto de acções para a satisfação e melhoria das condições de vida das populações.

Referiu que, no âmbito do Programa Integrado de Intervenção nos Municípios (PIIM), na província, estão em construção mais salas de aula, centros de saúde, reparação das vias secundárias e terciárias e melhoria das infra-estruturas básicas.
No âmbito do programa da empregabilidade, referiu, a província registou até ontem, 1.967 novos empregos. Informou que no sector da Educação ingressaram 1.456 novos agentes e 511 técnicos ingressaram no sector da Saúde.

Luís Nunes garantiu que o MPLA vai continuar a pautar a sua acção pela elevação do sentimento de amor à pátria, justiça social, solidariedade e humanismo, razões pelas quais “não dará tréguas ao combate à corrupção e outros males que enfermam a sociedade”.
Acrescentou que o MPLA, enquanto partido enraizado no seio do povo, continuará a trabalhar para o bem-estar de todos, reforçando o papel e influência junto das comunidades.

Participaram da VIII Reunião Ordinária do Comité Provincial do MPLA, 178 membros, perfazendo 79,1 por cento, dos 225 registados, alguns dos quais por videoconferência.
Dentre outros, os participantes à Reunião avaliaram o grau de cumprimento do plano de actividades do partido de 2019 e a aprovação do plano de actividades de 2020 e apreciaram e aprovaram os relatórios de vários documentos.

Tempo

Multimédia