Sociedade

Covid-19: País com mais quatro mortes, 106 infectados e 69 recuperados

Mazarino da Cunha

Angola recuperou,nesta quarta-feira 69 pacientes da Covid-19, o número mais alto desde que foi anunciada a circulação do vírus Sars-Cov2 no país, no dia 21 de Março.

Secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda.
Fotografia: Santos Pedro| Edições Novembro

A informação foi dada em Luanda, pelo secretário de Estado para a Saúde Pública, Franco Mufinda, no mesmo dia em que anunciou 106 novas infecções da Covid-19 e a morte de quatro pacientes. No habitual encontro com jornalistas para a actualização da evolução da pandemia da Covid-19 no país, o secretário de Estado esclarece que dos 69 pacientes recuperados, 46 vivem na província do Zaire e 23 em Luanda. 

Em relação às novas infecções, Franco Mufinda disse que cinco foram notificadas em Cabinda e 101 em Luanda, concretamente nos municípios de Talatona, Cazenga, Cacuaco, Viana, Kilamba Kiaxi e nos distritos urbanos da Ingombota, Maianga e Samba. Os pacientes têm idades entre 11 e 74 anos, sendo 95 do sexo masculino e 11 do sexo feminino.

Relativamente às mortes, Franco Mufinda disse que ocorreram na província de Luanda. Trata-se de dois homens de 51 e 71 anos, e de duas anciãs de 71 e 81 anos. Com dados divulgados nas últimas 24 horas, o país tem 3.675 casos confirmados, dos quais 143 óbitos, 1.401 recuperados e 2.131 activos. Deste número, um está em estado crítico a receber tratamento por ventilação mecânica invasiva, 17 em situação grave, 48 são considerados moderados, 65 com sintomas leves e dois mil assintomáticos.

O secretário de Estado informou que nos centros de tratamento da Covid-19, a nível do país, estão internados 395 doentes. Em quarentena institucional estão 739 cidadãos e 5.041 sob investigação epidemiológica.  

Franco Mufinda informou, também, que nas últimas 24 horas, tiveram 131 pessoas que estavam em quarentena institucional, sendo 61 em Luanda, 52 no Cunene, 17 no Bié e uma na província do Cuando-Cubango. O Centro Integrado de Segurança Pública (CISP), frisou, registou 123 chamadas, todas relacionadas a pedidos de informação sobre a pandemia da Covid-19. 

Actividade laboratorial

O secretário de Estado informou que nas últimas 24 horas foram processadas 1.568 amostras, das quais 106 foram positivas. Desde o início da pandemia foram processadas 68.915 amostras, tendo-se diagnosticado 3.675 positivas.

Franco Mufinda disse que o Gabinete Provincial da Saúde de Luanda continua a realizar testes aos doentes internados, camionistas, passageiros que se deslocam às províncias por via aérea e a técnicos de empresas privadas que solicitam. Ontem foram testados 307 camionistas, na Escola Nacional de Saúde Pública.

Tempo

Multimédia