Edições Novembro distinguida em Paris


27 de Outubro, 2014

Fotografia: DR

A empresa Edições Novembro, proprietária do Jornal de Angola, “Jornal dos Desportos”, “Economia e Finanças” e “Cultura”, foi premiada com o troféu de ouro dos Prémios Mundiais de Qualidade, durante a gala anual da Convenção Internacional de Qualidade, realizada sábado em Paris pela consultora Business Initiative Directions (BID).

O Prémio Internacional de Qualidade é atribuído às organizações de vários ramos de actividade, como reconhecimento pelos resultados excepcionais conseguidos na gestão total da qualidade, inovação e compromisso com a melhoria contínua dos seus serviços. Uma lista de 100 organizações de vários países do mundo foi premiada na gala deste ano.
A Edições Novembro é a nova empresa angolana a ser premiada pelo Comité Internacional dos Prémios de Qualidade, depois da Sodiam, pertencente ao grupo Endiama, da Empresa Nacional de Construções Eléctricas (ENCEL) e da Operatec, prestadora de serviços no ramo petrolífero, terem no passado recebido os primeiros galardões.
Este ano, duas outras empresas angolanas foram premiadas. O director-geral da ENCEL, Daniel Simas, arrebatou o troféu de platina e o comité do BID distinguiu a empresa privada angolana Maison BH, um complexo de beleza e lazer situado no condomínio das Mangueirinhas, no Morro Bento, em Luanda.
O troféu de ouro conquistado pela Edições Novembro foi entregue pelo criador do Modelo de Gestão Total de Qualidade (TQM) e presidente do BID, José E. Prieto, ao presidente do Conselho de Administração da empresa, José Ribeiro, que esteve presente na gala com Eduardo Minvu, administrador executivo responsável pelo pelouro financeiro da empresa. Os vencedores dos prémios de qualidade são seleccionados por um comité de avaliadores que se baseia em critérios como a dedicação aos clientes, valores ligados ao modelo TQM, percurso de resultados e inovação, reputação e forte presença das empresas na Internet.
José Ribeiro, entrevistado pela agência Imarpress em Paris, dedicou o prémio ao Presidente de Angola, José Eduardo dos Santos, justificando com o facto de se ter empenhado fortemente na recuperação das infra-estruturas angolanas de Comunicação Social, que tornou possível que o país assista hoje ao surgimento e expansão de uma grande variedade de jornais, rádios e canais de televisão e ao lançamento de novos projectos.
Essas infra-estruturas alargaram os espaços de liberdade de imprensa e pluralismo em Angola, afirmou José Ribeiro.
José Ribeiro disse à Imarpress que a estratégia da Edições Novembro para o futuro assenta na formação técnica, modernização dos equipamentos de impressão, lançamento de novos produtos nacionais e provinciais e desenvolvimento da rede de distribuição dos jornais.
O gestor da Edições Novembro considerou a qualidade como um instrumento de trabalho fundamental para o sucesso das empresas que operam no contexto de mercado de elevada concorrência.
Com a conquista do prémio, a Edições Novembro passa a fazer parte do Clube Global de Parceiros do BID e a ter acesso a facilidades de consultoria e formação para poder aplicar as regras do Modelo de Gestão da Qualidade Total e manter-se como líder no seu ramo de actividade.

capa do dia

Get Adobe Flash player



ARTIGOS

MULTIMÉDIA